Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Pessoas no Poker

O Processo contra Montel Williams

Compartilhe
Montel Williams vem sendo uma espécie de embaixador da comunidade do poker a alguns anos, não apenas por jogar torneios regularmente mas também por ser ativo na organização de eventos de poker beneficentes. Buscando uma maior visibilidade para o jogo, decidiu criar a International Poker League em 2008 e foi processado pela Guardian Gaming Ltd, empresa que afirma ter feito um investimento inicial de 300.000 dólares e que pede indenização na justiça.

De acordo com o processo aberto em 18 de dezembro pela Guardian no Tribunal da Comarca de Clark County, Nevada, outra empresa foi contratada para prestar os mesmos serviços e Williams, representando ITPL, rompeu o contrato com a Guardian, em setembro de 2008. São cinco as acusações no processo - quebra de contrato, declaração falsa, fraude, enriquecimento e conversão - e a Guardian pediu ao tribunal que ordene a restituição do investimento inicial de 300 mil dólares e também alegando danos punitivos , pré-interesse julgamento e do pagamento de custas judiciais.

A denúncia diz: "Ambos, Williams e ITPL, não tem intenção de cumprir suas obrigações contratuais em relação o Guardian e Williams identificou uma outra empresa e concluiu que ele poderia completar as tarefas delegadas a Guardian através de um acordo assinado ... O arguidos fizeram uma representação com a intenção de enganar e induzir Guardian para pagar o investimento inicial."

Parece que essa novela ainda se estenderá por algum tempo. Aguardamos ansiosos as cenas do próximo capítulo.