Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | WSOP

Evento 23 $10K Deuce to 7 Lowball - Nick Schulman Ganha Seu Primeiro Bracelete Na WSOP

Compartilhe
Os jogadores que vieram para a mesa final do Evento de Deuce to Sevem Lowball formavam um grupo seleto, em sua grande maioria de jogadores profissionais de longa data que diversificaram seus jogos ao longo dos anos, mas contava também com alguns jogadores que se interessaram pelo Deuce to Seven com a mesma voracidade que tiveram pelo Hold’em. E embora esse mix existisse, a maioria dos jogadores era conhecida, tornando esse um jogo interessante para os fãs. Quando os finalistas foram conhecidos, tinham dois vencedores de braceletes na WSOP 2009 - Steve Sung e Ville Wahlbeck – na luta por seu segundo título este ano.

No total 96 jogadores entraram no evento de campeonato mundial, criando uma premiação de $902,400. O primeiro dia viu quase metade dos jogadores eliminados, já que 57 retornaram para o Dia 2. Com a eliminação de Jean-Robert Bellande como bolha da premiação, os 14 jogadores restantes garantiram uma parcela da premiação.

Depois de mais algumas eliminações, sendo a última de Hertzel Zalewski na 11ª colocação, os dez últimos jogadores voltariam no Dia 3 para jogarem até a mesa final e em seguida pelo título. Vince Musso era o chip leader com 765,500 fichas e Ville Wahlbeck lutava por seu Segundo bracelete com uma sólida segunda colocação e 487,000 fichas. Steve Sung também lutava pelo seu segundo bracelete, enquanto Michael Binger e Roland de Wolfe eram os short stacks.

E foi de Wolfe quem abriu as ações no terceiro dia, ao mover all-in do big blind. Ville Wahlbeck deu o call e viu o J-10-8-4-2 conseguido por de Wolfe perder para o seu J-8-5-4-3. Com a eliminação de Roland de Wolfe na décima colocação, Justin Smith o seguiu quando seu 9-7-4-2-J perdeu para o 9-6-5-3-2 de Benjamine. Isso deu a Smith a nona colocação e tanto de Wolfe quanto Smith receberam $19,871 por seus esforços.

Depois de alguma discussão sobre quantos jogadores deveriam ir para a mesa final, foi decidido que os oito finalistas jogariam na mesa no estúdio da ESPN, e suas contagens de fichas eram essas:

Seat 1: Ville Wahlbeck 740,000
Seat 2: Nick Schulman 295,000
Seat 3: Vince Musso 799,000
Seat 4: Michael Binger 59,000
Seat 5: John Juanda 248,000
Seat 6: Steve Sung 155,000
Seat 7: David Benyamine 265,000
Seat 8: Archie Karas 384,000

Na primeira mão da nova mesa, Binger colocou seu ultra-short stack em jogo e foi pago por Juanda. Binger terminou com 9-9-K-7-2 contra o 10-8-6-4-2 de Juanda. Michael Binger não teve escolha se não aceitar a oitava colocação e os $24,545 que a acompanharam.

Logo depois, Sung conseguiu dobrar contra Benyamine, que se tornou o novo short stack. Ele então moveu all-in de 86K e Sung deu o call para acabar com J-8-7-3-2, enquanto Benyamine tinha 9-6-5-4-9. David Benyamine terminou o torneio na sétima colocação e recebeu $30,492.

Musso perdeu boa parte de suas fichas nas primeiras rodadas da mesa final. Depois que Juanda dobrou contra ele, Musso conseguiu dobrar contra Juanda, mas acabou fazendo novamente o seu move contra Wahlbeck. Wahlbeck manteve a melhor mão possível, 7-5-4-3-2 e Musso descartou uma para terminar com 9-5-4-2 e uma irrelevante carta. Vince Musso recebeu $39,697 pela sexta colocação.

Karas era o novo short-stack e moveu all-in com J-10-8-5-2, sendo pago por Sung que apresentou 10-9-8-7-3. Archie Karas terminou na quinta colocação e recebeu $53,783.

Os quatro finalistas eram liderados por Wahlbeck com mais de 1.2 milhões em fichas. Schulman era o short stack. Mas quando Sung e Juanda se enfrentaram em um pote de 1.2 milhões de fichas, foi Sung quem assumiu a liderança e deixou Juanda com apenas 250K.

Juanda logo as colocou em jogo e Schulman considerou bastante antes de dar o call. Juanda tinha 9-5-4-3 e recebeu um 6, enquanto Schulman tinha 8-5-3-2 e recebeu o 7. Isso deixou para John Juanda a quarta colocação e os $75,964 que a acompanharam.

Steve Sung lutou muito durante a mesa final, mas depois de perder um bom pote, ele precisou colocar suas últimas fichas em jogo. Schulman deu o call e terminou com 10-7-5-4-3, enquanto Sung tinha apenas 10-8-5-4-3. Sung perdeu a chance de ganhar o seu segundo bracelete na WSOP 2009 e foi forçado a aceitar a terceira colocação, recebendo $112,042.

O Heads-up começou com a seguinte contagem de fichas:

Nick Schulman 1,916,000
Ville Wahlbeck 964,000

Os dois batalharam por bastante tempo, já que Wahlbeck estava determinado a ganhar seu segundo bracelete na WSOP 2009, enquanto Schulman esperava adicionar seu primeiro bracelete da WSOP à sua lista de conquistas.

Wahlbeck lutou muito e tornou a disputa pelo bracelete interessante, até o ponto onde Schulman abriu uma liderança confortável de 4-para-1. Schulman então jogaria de forma agressiva até o final.

Wahlbeck então moveu all-in depois de muitas apostas com um blefe, já que tinha 9-9-8-5-2, enquanto Schulman deu o call mais rápido de seu torneio com “the nuts”, 7-5-4-3-2 para ganhar. Isso deixou Ville Wahlbeck com $172,864 pela respeitável segunda colocação.

Nick Schulman conquistou o seu primeiro bracelete da World Series of Poker
e ganhou $279,742 por sua vitória.