Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Mundo do Poker

Uma Revisão De The Poker Tournament Formula

Compartilhe
Você já esteve em um torneio ao vivo ou online e se perguntou por que outros jogadores estão disparando para todos os lados com mãos como 8-2 offsuit? Mais que isso, você já ficou espantado com o fato de que jogadores como esses chegam aos prêmios nos torneios, e até a mesa final? Enquanto você saia da mesa, culpando a falta de sorte por ter perdido com par de Ases para uma mão ridícula que acertou um milagre, você já parou pra pensar que talvez, apenas talvez, haja algum método envolvido na aparente loucura destes jogadores? Se sim, então você vai querer ler o livro publicado pela Editora Cardoza de Arnold Snyder “The Poker Tournament Formula”.

O autor faz questão de deixar claro que este livro não tem nada há ver com livros clássicos para torneios de poker como os de Dan Harrington  e Cloutier , entre outros. Ele descreve estes livros como inestimáveis, mas para um tipo de torneios completamente diferente do que o seu foco. Ao invés de se concentrar em torneios longos, deep stacks, como Harrington fez de forma tão brilhante, Snyder está interessado em criar uma estratégia otimizada para torneios com estrutura mais rápida, do tipo que você encontra online e em cassinos todos os dias da semana. Para isso, ele apresenta o que chama de “fator paciência” de um torneio, baseado no tempo que demora para um jogador perder todas as fichas para os blinds se não jogar nenhuma mão.

Na essência, seu pensamento diz que quanto menor for o fator paciência, menos habilidade e mais sorte estarão envolvidos no torneio, e que mais agressivo o jogador precisa ser para sobreviver e desenvolver seu stack, para evitar que suas grandes mãos sejam quebradas. O jogador que não emprega um estilo de ataque neste tipo de torneio perderá suas fichas para os blinds mais rápido do que o tempo que demora para ele receber mãos Premium, e será eventualmente um short-stack, necessitando colocar suas últimas fichas em risco com uma mão pior. O livro se concentra neste tipo de torneio rápido.

O centro da estratégia de Snyder é um conceito que ele emprestou do jogo “pedra, papel e tesoura”, com as fichas, cartas e posição substituindo os sinais clássicos do joguinho. Como no original, “pedra” (são as fichas) ganha de “tesoura” (posição) que ganha de “papel” (as cartas), que ganha das fichas. Esta é uma idéia brilhante, tanto na simplicidade quanto no poder, já que dá aos jogadores algo em que se apoiar ao tomar a decisão de fazer ou não um move.

Começando com a idéia que você não chegará na premiação na maioria das vezes, o foco de Snyder é em garantir que nas vezes que você chegar, você chegue entre os primeiros, ganhando os maiores prêmios. Isso requer um acúmulo de fichas constante durante todo o torneio, jogando de maneira agressiva em posição, independente de suas cartas. De fato, o autor diz que você não precisa nem ver suas cartas e simplesmente jogar quando tiver uma boa posição, assumindo e mantendo a liderança das ações durante a mão.

Enquanto eu lia esta parte do livro, lembrei de quando Annette Obrestad ganhou um Sit & Go de 180 jogadores sem ver suas cartas, usando apenas agressividade e jogando a reação dos outros oponentes. Snyder promove um estilo parecido de jogo, com um conjunto de regras a seguir sobre quando e quando não jogar que se diferencia da maioria dos livros de poker, e que deve desafiar a maioria dos jogadores.

Além de prover uma estrutura para o seu jogo de torneios, Snyder fala bastante sobre outras áreas, as quais são ignoradas, ou apenas mencionadas, por grande parte das publicações de poker. Um capítulo escreve detalhadamente a melhor maneira de jogar em torneios rápidos com rebuy, onde ele fala também sobre os vários estilos de torneios com rebuy e como tirar vantagem deles. Ele também aborda assuntos tão ignorados quanto, como acordos em mesas finais, nocautes e apostas “last-longer”, e gasta bastante tempo mostrando as várias maneiras que os jogadores têm de trapacear jogando torneios ao vivo e online. Ele é muito claro ao listar a variedade de blefes que você pode integrar no seu jogo, para manter seus oponentes em dúvida.

Para aqueles jogadores que têm os livros para torneios de Harrington como uma Bíblia Sagrada, muitas das idéias deste livro irão te colocar contra suas crenças. Mas o que Snyder está fazendo na verdade é substituindo o conceito de “ponto de inflexão”, aquela hora no torneio onde o seu jogo precisa mudar devido a relação de fichas x blinds e antes, pela noção de que estes torneios são realmente um grande ponto de inflexão, onde as jogadas refletem a velocidade na qual o jogo é acelerado. O conceito do autor é que os jogadores que falham em reconhecer isso estarão para sempre à mercê da sorte e quase nunca chegarão longe em um torneio para ganhar os grandes prêmios.

Para aqueles jogadores frustrados que passam horas e horas em uma mesa, apenas para lucrar alguns trocados, quando lucram, este livro pode abrir os seus olhos para uma nova variedade de estratégias que farão com que o tempo que você gasta jogando torneios valha a pena. O livro é bem pesquisado e contém uma base matemática muito sólida para todos os conceitos. Ele te ensina a jogar um estilo muito mais aventureiro, enquanto reconhece os tipos de jogadores que você está enfrentando nestes torneios rápidos, para saber quem explorar e quem evitar. “The Poker Tournament Formula” vale a pena ser lido, explorado e utilizado para um jogo mais lucrativo em torneios.