Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | BLOG

Dan "Wretchy" Martin – Apresentação, Poker E Beer Pong

Compartilhe
Este é o meu primeiro blog desde o MHREP, portanto pode ser que demore um ou dois artigos pra eu lembrar como faz. Por hora falarei um pouco de poker e de algumas outras coisas que estão acontecendo na minha vida.

Para os que não me conhecem, eu sou um jogador de torneios high-stakes no PokerStars, Full Tilt Poker e Ultimate Bet Poker. Eu também joguei diversos torneios ao vivo esse ano, e como tenho apenas 23 anos, esse é o meu segundo ano de poker ao vivo. Atualmente moro em Klamath Falls, Oregon, uma cidade que fica a uns 20 quilômetros da fronteira com a Califórnia.

Eu estou em Vegas por umas duas semanas e vou jogar o $25K WPT Championship, mas falarei sobre isso depois. Eu planejo passar Junho e Julho em Las Vegas para a World Series of Poker, depois decidirei o que fazer dali em diante.

Eu vou encher o saco com alguns detalhes sobre poker; Eu joguei os eventos preliminares do Bellagio antes do WPT Championship. Eu joguei quatro eventos de $5K e dois de $3K, e não cheguei ITM em nenhum deles. Eu fui bolha em um evento de $5K na 5ª colocação, os fields têm sido horríveis, acho que porque a maioria dos jogadores está na Europa para o EPT.

No entanto, eu tive alguma sorte no online durante esse período, ganhando $31K no 750.000 garantidos do Full Tilt Poker no Domingo, com mais uma quinta colocação no $75K no mesmo dia, para mais $6K. Eu sinto que estou jogando poker muito bem, mas ainda não estou ganhando os flips decisivos. Para os jogadores que estão jogando online, eu sinto sua dor e estarei me juntando a vocês assim que acabar o WPT.

Eu vou jogar no Sábado, Dia 1ª, e a quantidade de fichas subiu para 4x o valor do buy-in, então, para os que são ruins em matemática, são incríveis 100K em fichas para começar. Eu estava conversando com Shaun Deeb sobre a estrutura e ele explicou que eu posso passar o dia 1 inteiro sit out e voltar para o Dia 2 com 80.000 fichas nos blinds 400/800. LOL. Eu acho isso uma idéia terrível, mas como ando perdendo muitas fichas no início para mãos sem escape, provavelmente é algo +EV para mim. Provavelmente eu só irei jogar e tentarei não vomitar todas as minhas fichas. E como uma nota adicional, eu não estou mais trabalhando com a PokerPwnage e espero poder dar a vocês alguma notícia interessante no futuro sobre coaching.

Agora vamos falar das coisas divertidas.

Na segunda-feira, o torneio anual de Beer Pong do Doyle Brunson (Beer Pong é um jogo que, simplificando, consiste de 10 copos de cerveja de cada lado da mesa e uma bola de ping-pong. O objetivo é acertar o copo do oponente com a bola. Cada vez que você acerta o oponente bebe a cerveja do copo, e quem fizer o oponente beber todos os copos ganha) foi organizado no Hogs and Heifers, Las Vegas. Foram 32 times que apareceram, criando um field interessante. Um amigo meu, Mr. Peter “Number1 Pen” Neff foi o meu parceiro nesse golpe. No primeiro confronto encaramos... bem, é difícil me lembrar agora, mas tenho quase certeza que eram apenas dois caras aleatórios do bar.

Antes de pensarem que estes dois caras não tinham idéia do que estava acontecendo, deixe-me explicar que tipo de bar era. Assim que saímos do táxi, havia cerca de quinze motos estacionadas na frente, com umas vinte pessoas do lado de fora. Lá dentro, as bartenders estavam dançando sobre o balcão. Isso não era nada excitante e glamoroso como você deve estar imaginando, era AC~DC no último volume e as bartenders dançando um tipo de country ou sei lá o que. Foi realmente interessante presenciar isso. De volta aos dois oponentes, Peter e eu os destruímos por uma margem de dois ou três copos, o que inflou o meu ego e o meu nível alcoólico. É sempre bom ganhar o primeiro combate, pra ter mais confiança para as rodadas seguintes. Por sorte, já sabíamos quem seriam os nossos adversários na próxima rodada, um time de uma garota muito, muito, mas muito gata e um cara bem idiota.

Esta partida começou assim como a anterior, comigo dizendo ao outro time: “Boa sorte, vocês vão precisar”.

Eu não lembro muito bem, mas acho que saímos na liderança, com três ou quatro copos de vantagem. O jogo continuou, a mina era completamente sick, acertando três ou quatro copos na sequencia na sua vez. No entanto, Peter tinha ajustado o seu jogo – com uma gata do outro lado, acho que ele só estava querendo impressionar. Ele acertou as três bolas seguintes, o que nos deixou com dois copos de vantagem, faltando dois copos deles. Era a minha vez e a mina começou a levantar a sua blusa, tentando nos distrair. Não funcionou comigo, pois eu acertei um dos dois copos, e foi a vez de Peter para terminar o jogo logo ali.

Ela então começou a tirar a sua calça, lento o suficiente para dizer ‘eu não estou usando calcinha’. Foi o final da nossa vez e nunca vi Peter errar um arremesso por tanto em toda a sua vida. Sendo a vez do outro time, eu decidi jogar na defensiva e mostrei minha barriga e meu peito enquanto eles arremessavam. Bem, não vou dizer que foi o meu belo corpo que fez eles errarem os arremessos, mas acho que foi por isso. Peter acertou a última bola e nós avançamos para enfrentar um time do próprio bar.

Eu não vou incomodá-los com os detalhes desta partida, pois o confronto mais importante estava acontecendo ao nosso lado, onde Brandon Cantu e Jeff Madsen estavam jogando na outra mesa. O vencedor daquela mesa nos enfrentaria na disputa pela vaga na final. Havia muita conversinha durante o jogo, mas os dois times queriam se enfrentar. Cantu achou uma bola milagrosa e conseguiu fechar o seu confronto, aí o foco voltou para o nosso jogo, onde estávamos destruindo nossos oponentes. Nós tínhamos acertado seis copos enquanto eles não tinham acertado nenhum ainda. Finalmente acabamos com o time do bar, e foi nessa hora que eu comecei a ficar realmente bêbado. Peter e eu bebemos antes do jogo e mesmo durante o jogo e nos intervalos entre as partidas, enquanto esperávamos nossos oponentes.

A hora havia chegado, Madsen x Martin, Neff x Cantu, o jogo do século estava prestes a começar com muita gente ao redor da mesa pra assistir.

Começamos com tudo, acertando as duas primeiras bolas, e uma logo depois pra abrir 3 a 0. A gente tava falando todo tipo de besteira, comemorando, e provavelmente as pessoas que mais gritavam no bar. Eu estava tentando tiltar Madsen, pra ter vantagem sobre ele pelo menos uma vez na vida. Eu joguei com Madsen em LA onde ele deu uma bela bad beat em mim, e levando para o pessoal como eu faço, eu falarei merda pra ele o resto da minha vida por causa disso. Madsen e Cantu são dois caras bem legais, mas quando se trata da guerra na mesa de Beer Pong, não somos amigos. Eles conseguiram se recuperar e acertaram duas bolas.

Peter e eu erramos alguns arremessos e estávamos perdendo por dois copos, enquanto eu acho que eles tinham uns três ou quatro copos restantes. Antes de começarmos a jogar beer pong naquele dia, o bar nos pediu para assinar a mesa de beer pong, não sei pra quê, acho que eles pretendem vender a mesa e doar o dinheiro para a caridade, Minha assinatura era: "Wretchy owns Jeff Madsen, GG." Toda vez que eu acertava um arremesso eu batia na minha assinatura e esfregava na cara dele um pouco mais.

Madsen estava gritando comigo, coisas do tipo: “Wretchy, você não é nada, nem mesmo um bom jogador de poker, você NÃO vai acertar essa bolinha”.

Infelizmente para ele, eu trabalho melhor sob tais circunstâncias, e acertei o copo bem à sua frente. Estava faltando apenas um copo, eles tinham que acertar três ainda. Peter acertou o último, o que nos levou para a final. Bem, parecia, pois Madsen tinha outros planos. Ele disse que não tinha valido, e encheu outro copo pra colocar no lugar daquele. Levou mais um minutinho pra nós nos recuperarmos, mas Peter finalmente acertou o último copo pra colocar nosso time na final contra Todd Brunson e Gank. Madsen e Cantu vão ter que me agüentar pelo resto da vida agora. GG boys.

Eu deixarei em suspense a decisão para vocês voltarem para ler meu próximo post, se quiserem saber o que aconteceu na final, junto com o que eu achei do 25K WPT Championship no Bellagio.