Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | BLOG

Bom De Poker - Jeremy “Chipsteela” Menard - Déjà vu

Compartilhe
Ultimamente eu realmente tenho tentado ser mais positivo sobre o poker em geral. Eu fiz um tipo de “busca interna” e descobri que o poker fez de mim uma pessoa muito mais negativa do que eu costumava ser, e não é isso o que eu quero. Eu também descobri que eu cheguei ao ponto de esperar perder muitas vezes, não importando o quão favorito eu fosse. Eu sei que essa atitude não pode modificar a minha chance de ganhar, mas é tão difícil de mudar quando vez após vez você se sente como o cara mais azarado do poker no mundo.

Bem, em um esforço para mudar minha maneira de pensar eu falei para todos os meus amigos que se eu os contasse sobre uma bad beat ou mandasse um histórico de alguma mão com uma, eu mandaria na hora $20 no site que eles escolhessem. Eu sei que é bom desabafar as vezes, mas sentia que estava saindo do meu controle, e sei que EU não gosto de ficar ouvindo histórias de bad beats de outras pessoas. Talvez esse seja um ato que se espalhe pelo mundo. Você já imaginou o mundo sem histórias de bad beats? É nesse mundo que eu quero viver. Dito isso, acho que fui amaldiçoado, ou algo assim, pois sempre, vez após vez, independente do tamanho meu stack na reta final de um grande torneio, eu não consigo jogar. Domingo passado foi um grande exemplo.

Eu tinha acabado de voltar de uma semana na Flórida com a minha namorada, onde, acreditem ou não, choveu o tempo todo. Eu tinha tirado férias do poker e me sentia bem para jogar novamente. Eu comecei a me registrar para os torneios no final da tarde e antes de me dar conta eu estava jogando 9 mesas de novo. Eu estava bem no 750K do Full Tilt Poker na primeira hora e estava em uma mesa ótima, sem jogadores regulares para disputar comigo. Eu estava entre os 50 primeiros em fichas depois de pagar um jogador com um grande stack até o final com top pair e kicker ruim quando ele estava empurrando de T high. Eu comecei a sentir que chegaria bem neste torneio.

Nesse momento o Sunday Mulligan do Full Tilt Poker estava começando, torneio esse que eu ganhei cerca de dois anos atrás, quando mal sabia o que eram os torneios high stakes, e não tinha nem chegado a uma mesa final antes. Eu também estava na reta final do 30 com rebuys do Full Tilt Poker nesta hora, mas ao invés de ganhar eu decidi que “bolhar” a mesa final deste torneio no mínimo 10 vezes não era o suficiente e fui de all-in com 5-5 contra o J-J do meu oponente para cair em 12º.

Entrei ITM no 750K, e sentia que tinha uma boa leitura dos jogadores na minha mesa, o que me permitia construir meu stack, enquanto simultaneamente crescia meu stack no Sunday Mulligan. Eu comecei acertar tudo nos dois torneios ao ponto de achar que ia tirar aquele peso das minhas costas e finalmente ganhar um grande torneio de poker em quase um ano.

Neste ponto estávamos em cerca de 100 jogadores no 750K, e eu estava em uma mesa muito agressiva que não deixava passar um raise meu. Isso me fez mudar a minha estratégia, e ao invés de abrir muitos raises eu estava aplicando o re-steal nos jogadores mais agressivos sempre que tinha uma mão razoável. Isso permitiu que eu mantivesse meu stack crescendo, até dobrando algumas vezes quando algum deles dava call e minha mão se mantinha a melhor. Quando restavam 50 pessoas no Sunday Mulligan, eu ganhei um grande pote com A-K contra um jogador agressivo que moveu all-in com 10-10, e continuei ganhando diversos confrontos, incluindo um Q-Q contra A-A com a Dama no river. Eu não me lembro da última vez que ganhei um pote decisivo acertando 2 outs no river, mas é demais!

Eu estava dominando minha mesa, quando me envolvi contra um dos únicos jogadores que realmente jogava contra mim. Eu aumentei com A-3 de copas e ele deu call no botão. O flop foi J-2-2, eu apostei metade do pote e ele deu call. O turn foi um 3 e eu decidi apostar novamente, já que ele havia desistido antes quando alguém apostou contra ele novamente no turn, e o coloquei em um par médio, achando que poderia fazê-lo desistir. Eu fiquei bastante surpreso quando ele deu call na minha segunda aposta, e quando o A veio no river, eu não achei que teria valor em apostar e dei check, planejando dar call em sua aposta. Ele também deu check e eu ganhei um grande pote contra o 10-10 dele.

Depois desse pote eu era o chip leader, mas o engraçado sobre torneios No Limit é que tudo pode acabar tão depressa, e como isso era um Domingo, foi exatamente o que aconteceu. Eu fui movido para uma nova mesa e logo na primeira mão eu recebo A-K suited no big blind em uma mão sem small blind. A ação chega em fold até um jogador nas ultimas posições que abre a aposta e, como eu tenho A-K, que vale quase que como um A-A no poker online, eu não vou dar fold aqui. Eu dou um belo re-raise pra mostrar pra ele que não vou dar fold, e mesmo assim ele move all-in com 8-8. Fomos para a corrida e ele leva o pote que me daria uma grande liderança se eu tivesse ganhado. Nessa hora eu acho que o poker é pior aquela menina que eu namorei no colégio, que não me deixava passar de certo ponto.

Eu fico com um stack medíocre, que rapidamente entra em jogo quando um jogador que tinha acabado de dar um suckout terrível quando deu call de todas as suas fichas com A-J uma mão antes de abrir o pote no small blind. Eu tinha A-8 no big blind e cerca de 18 big blinds. Não consigo me ver dando fold aqui, já que ele pode estar aumentando com tantas mãos, e qualquer Ás é bom em uma situação de heads-up, mas também não quero dar apenas call por causa do meu stack. Então eu movo all-in e ele dá insta call com A-10. É fácil assim sair de chip leader para eliminado senhoras e senhores.

Bem, pelo menos eu ainda estava vivo no 750K, no entanto não recebia nada por algum tempo e os blinds começaram a devorar meu stack. Quando eu jogava alguma mão, eu não acertava nenhum flop, e a situação já estava crítica quando meu stack tinha apenas 10 big blinds com 15 jogadores restantes. Eu movi all-in com algumas mãos marginais e consegui roubar alguns blinds, mas nada que me trouxesse de volta para a disputa.

Finalmente estávamos no hand for hand para a mesa final, com 10 jogadores restantes, 5 em cada mesa. Um jogador que estava abrindo diversos raises e tinha ganhado cinco potes na sequência aumentou do botão, e eu estou no big blind com A-Qo e sem fold equity, mas não iria dar fold apesar disso. Na verdade, eu não consigo me ver dando fold nesta mão mesmo que tivesse um grande stack. Eu estava feliz em tomar o call e encontrá-lo dominado, mas de alguma forma ele abre Q-Q. Eu não dei nenhum suckout... Por que daria? Fico com um sentimento de completo desespero, já que mais uma vez fui o bolha da mesa final em um grande torneio de Domingo. Está se tornando uma piada cruel que já deixou de ser engraçada há muito tempo.

Como você pode ver é difícil se manter positivo nesta profissão, e nenhum de vocês ganhará $20 por escutar minhas histórias de bad beats. Sorry...