Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Mundo do Poker

Investigações da KGC Sobre o Escândalo do UB Apontam Para Russ Hamilton

Compartilhe
A Kahnawake Gaming Commission se pronunciou. Cerca de nove meses depois do escândalo sobre trapaças no UltimateBet e devido a muitos meses de investigação sobre o assunto, a KGC não somente liberou uma declaração sobre seus achados, mas apontou para uma pessoa como a maior responsável pelas trapaças – Russ Hamilton.

escândalo UltimateBet  chegou a público pela primeira vez em Março de 2008, e o site reconheceu que ficou sabendo das trapaças feitas pelos jogadores em Janeiro. As investigações no UB começaram com uma empresa de auditoria terceirizada, uma pela empresa mãe  Tokwiro Enterprises e outra pelo próprio UB, e depois outra investigação por um auditor terceirizado chamado Frank Catania , para investigar a Tokwiro. Duas das quatro estão completas, a mais recente em Julho com a Tokwiro encerrando as investigações em sua própria empresa e cujos resultados adicionaram uma nova luz sobre o escândalo. A declaração notou que havia 19 contas e 88 nomes de usuários usados para trapacear os jogadores, que a verificação sobre o processo de todos os jogadores prejudicados e que o processo para reembolsar os jogadores iria terminar assim que as investigações estivessem completas.

Enquanto a comunidade do poker esperava ansiosamente os resultados da investigação feita pela KGC, já que provavelmente aplicaria sanções sobre o UB e liberaria novas informações sobre o escândalo que traria mais detalhes sobre o que aconteceu às partes interessadas, o comunicado a imprensa da KGC veiculado em 29 de Setembro proveu mais do que o esperado. Estas são apenas as descobertas iniciais, o que indica que mais informações podem ser liberadas no futuro.

A KGC reporta que acredita que o campeão do Main Event da WSOP de 1994 Russel Hamilton  era a “pessoa principal e maior beneficiado dos múltiplos incidentes de trapaça” entre Maio de 2004 e Janeiro de 2008. Existem declarações conflitantes sobre a relação de Hamilton com o UltimateBet, já que algumas declarações dão conta de que ele era o antigo dono do UB e a KGC aponta para ele como um indivíduo “associado com o programa de afiliados do UltimateBet”, e a KGC aponta o dedo diretamente para Hamilton e nota que as medidas legais estão sendo tomadas para apurar sua responsabilidade.

Outra informação importante no comunicado de imprensa diz respeito ao montante em dinheiro que foi pago para os lesados pelas trapaças. A KGC notou que serão pagos $6,1 milhões aos jogadores prejudicados até o dia 3 de Novembro de 2008. Além disso, o UltimateBet é responsável por pagar uma multa a KGC no valor de $1,5 milhões por falhar em proibir ou impedir atividades fraudulentas.

A declaração na íntegra:

Kahnawake Gaming Commission impõe sanções ao UltimateBet Relacionada aos Incidentes de Trapaça

(MOHAWK TERRITORY OF KAHNAWAKE – 29 de Setembro de 2008) O Presidente da Kahnawake Gaming Commission Dean Montour anuncia hoje as descobertas iniciais da auditoria conduzida no licenciado UltimateBet, assim como as sanções a serem impostas.
De acordo com o presidente da KGC Montour, a Comissão revisou as informações providas ao longo dos últimos meses por Frank Catania da Catania Gaming Consultants de New Jersey; pela Gaming Associates, uma empresa Australiana de teste em jogos; o Presidente Montour disse: “Os Comissionários fizeram muitas descobertas sobre as trapaças ocorridas no site UltimateBet que incluem a identificação de alguns dos indivíduos responsáveis pelos incidentes assim como outras violações significantes nas regulamentações da Kahnawake.”

A Comissão encontrou evidências claras e convincentes para suportar a conclusão de que entre aproximadamente Maio de 2004 e Janeiro de 2008, Russel Hamilton, um individuo associado ao programa de afiliados do UltimateBet, era a pessoa principal e maior beneficiado dos múltiplos incidentes de trapaça. Além disso, a KGC está atualmente em contato com as autoridades apropriadas e pretende cooperar com a acusação de todos os indivíduos envolvidos nos incidentes de trapaça do UB.

O Sr. Catania pronunciou: “Minha intenção é de prover informações adicionais sobre as denúncias, embora as informações já apresentadas à KGC relacionadas ao UltimateBet garantem as ações tomadas pela KGC atualmente. Qualquer outra informação relacionada às trapaças, retenção ou destruição de arquivos que aparecerem no nosso inquérito será relatada a KGC e a agência indicada para as ações apropriadas.”

Como resultado das conclusões da KGC sobre o fato, a Comissão convocou uma reunião especial, onde foi decidido por unanimidade aplicar as seguintes sanções contra o UltimateBet:

1. O Ultimate Bet, até 3 de novembro de 2008, deve, sob a estreita supervisão da KGC, seus funcionários e agentes, começar a devolver a todos os jogadores cujas contas foram negativamente afetadas pela trapaça dos indivíduos, sob o controle e a fiscalização do licenciado. Estima-se que o UltimateBet tenha para reembolsar $ 6,1 milhões de dólares para os jogadores que foram negativamente afetados pela atividade ilícita.

2. O Ultimate Bet, até 3 de novembro de 2008, deve remover todas e quaisquer pessoas consideradas como "inadequados" pela KGC com envolvimento de toda a sociedade, que deve incluir todos os níveis de cargos, gestão e funcionamento. O Ultimate Bet, durante esse período de tempo até 3 de novembro de 2008, deverá continuar fornecendo detalhes completos das operações diárias da empresa. Estes devem incluir as finanças, bem como registros diários de jogos para Frank Catania e ou seus cessionários. Prevê-se que esta ação irá proporcionar a divulgação integral e impedir qualquer nova ocorrência de impropriedades ou irregularidades, garantindo ao mesmo tempo que seja oferecido ao público jogos justos e honestos e que todo o dinheiro dos jogadores estaja protegido.

3. O controle do sistema do Ultimate Bet, como definido na seção 9 do regulamento da Kahnawake Interactive Gaming foi modificado para evitar novos incidentes de trapaça ou impropriedades relacionadas.

4. O Ultimate Bet não vai apagar ou alterar qualquer registro, incluindo mas não limitado aos registros da web e dos jogos, como requerido pelo regulamento da Kahnawake Interactive Gaming e continuará a ter os registros imediatamente disponíveis para inspecção da KGC ou seus agentes.

5. Ultimate Bet deverá pagar imediatamente uma multa de $1,5 milhões de dólares para a KGC pela falha em implementar e aplicar medidas para proibir e detectar atividades fraudulentas.

6. A incapacidade do Ultimate Bet em cumprir integralmente estas medidas, resultará na imediata revogação da sua autorização de jogos pela KGC.