Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Mundo do Poker

Profissional do Full Tilt Brian Townsend Admite Multi Contas

Compartilhe
Um tema comum até demais na comunidade do poker online, trapaça, novamente vem à tona, e desta vez pelas mãos de um respeitado membro da indústria do poker. Brian Townsend, co-proprietário e administrados do CardRunners e profissional do Full Tilt Poker, admitiu e se desculpou por ter mais de uma conta nos sites PokerStars e Full Tilt Poker.

Townsend é um jogador de poker respeitado que divide seu sucesso no poker ao vivo, assim como em vários projetos empresariais. Seu jogo nos limites altos chamou a atenção de muitos no mundo do poker, e ele já teve participações em programas de poker como o High Stakes Poker e Poker After Dark. Mas ele é mais conhecido, especialmente online, por sua participação integral no sucesso do CardRunners, um site instrucional conhecido por suas vídeo-aulas, dicas e estratégias. O site não só foi um dos patrocinadores da WSOP 2008, mas sete de sues jogadores assinaram um contrato de patrocínio com o Full Tilt Poker, fazendo todos esses jogadores, incluindo Townsend que é o mais velho deles, Full Tilt “red pros”.

Em um post no seu blog no CardRunners em 26 de Agosto de 2008, com o título “Minhas Desculpas”, Townsend veiculou uma declaração pessoal sobre suas atividades com contas múltiplas, se desculpou por isso, e falou sobre suas intenções compensar a comunidade do poker por isso.

Ele começou esta declaração dizendo que ele jogou em duas contas nos dois sites – Stellarnebula e Brian Townsend no Full Tilt Poker e makersmark66 e aba20 no PokerStars. Ele afirma não ter jogado em mais de uma conta por vez no PokerStars, e nunca se permitiu jogar na mesma mesa no Full Tilt Poker. Aparentemente, jogando em outra conta, ele desceu seus limites durante um ano não tão bom quanto os anos anteriores, e ele gostou do anonimato, de jogar sem ser reconhecido.

“Eu queria ter me adiantado e tornado isso público anteriormente, mas infelizmente por causa de alguns negócios eu não podia” escreveu Townsend. “O que eu fiz foi errado e eu serei punido pelo Full Tilt Poker, tendo meu status de profissional do Full Tilt revogado por seis meses. Não tenho certeza sobre a ação do PokerStars, se é que terá alguma”.

Ele continuou “Eu atingi também aqueles que trabalham comigo no CardRunners e também o Full Tilt. Para compensar os que se feriram por minhas ações, eu vou doar $25.000 para uma instituição de caridade que será escolhida no futuro. Este dinheiro será retirado da minha parte no CardRunners. Isso não significa que o que eu fiz foi certo, mas mostra uma boa fé para aqueles que trabalham junto comigo”.

Sobre suas contas online, Townsend disse que ele irá retirar todo seu dinheiro, deixando $100.000 e vai preparar uma estratégia para reconstruir seu caminho até os jogos de altos limites, começando na $25/$50 Pot Limit Omaha, movendo para a $50/$100 quando ele atingir $200.000 e assim por diante, até chegar novamente às mesas de PLO $200/$400. “Tenho que provar algo para mim mesmo” ele escreveu.

O post no blog terminou com o seguinte: “Espero que as pessoas possam olhar para mim e não aprender somente sobre poker e administração de bankroll, mas também como fazer a coisa certa e ser uma pessoa boa. Poker não é sorte ou boa fase. É esforço e trabalho. Eu não tive bons resultados este ano porque estava jogando mal e desconcentrado, não porque não estava em uma fase boa. Eu quero provar isso a todos... Espero que as pessoas não procurem a mim somente querendo aprender sobre poker, mas também buscando maneiras de viver suas vidas. Eu cometi um erro e assumo total responsabilidade por isso. Eu me desculpo com toda a comunidade do poker online. Eu nunca me envolverei novamente neste tipo de atividade no futuro. Admito completamente minha culpa, e peço sinceras desculpas a todos que eu tenha enganado”.

Poucas pessoas irão duvidar da sinceridade das desculpas, evidenciado por alguns comentários dos leitores no blog. Também mostra caráter o fato de que Townsend anunciou a trapaça, embora esta não tenha sido a palavra que ele usou, e foi esclarecedor em suas explicações e desculpas.

No entanto, o que ficou faltando no post foi o mais básico – multi-contas é contra as regras na maioria dos sites online. É sabido entre os jogadores de poker online que este caso é idêntico aos dos muitos jogadores que foram banidos de sites de poker por fazerem exatamente isso. Enquanto muitas situações envolvem jogadores pegos no ato de usar múltiplas contas para jogar nas mesmas mesas ou torneios, qualquer atividade referente a múltiplas contas é incluída na categoria trapaça. Isso porque dá aos jogadores alguma vantagem, seja trapaceando diretamente ou usando seu anonimato, múltiplas contas dão aos jogadores muitas maneiras de trapacear, e é por isso que os sites de poker baniram esta prática.

Townsend é um homem de negócios, e dos bons. Quando ele e os outros seis associados do CardRunners assinaram com o Full Tilt Poker, estava claro que ele sabia as regras do site. Deixando de lado suas razões para isso, ele usou mais de uma conta no site mesmo sabendo que era errado.

Por ser o contrato do Full Tilt Poker com o CardRunners um contrato que beneficia ambas as partes, o Full Tilt Poker apenas suspendeu Townsend por seis meses. E ele não está permitido a jogar como um “red pro”, mas nada foi dito sobre ele jogar no site normalmente. Isso gera dúvidas sobre as medidas tomadas aqui, já que Joe Schmoe pode ter sido banido para sempre por cometer exatamente a mesma infração. Brian Townsend recebeu tratamento especial do Full Tilt Poker?

Quero dizer uma coisa. Este tipo de artigo não é legal para escrever. Townsend parece ser um indivíduo talentoso com um futuro brilhante, mas ele arriscou tudo para tornar o seu jogo mais fácil e proteger seu nome que já não estava mais indo bem como no passado. Embora suas desculpas recebam seus devidos créditos, suas ações foram desnecessárias e imprudentes. Ele não apenas arriscou o seu nome, mas os dos associados da CardRunners também. Pessoalmente, este não é um assunto que me dá prazer de escrever. Muito pelo contrário.

No entanto, estas histórias são importantes. Concorde você ou não com a regra sobre múltiplas contas, é a regra. Existem regras no poker ao vivo, e regras para o poker online, e todas precisam ser aplicadas a todos, independentemente se o trapaceador é um garoto de 17 anos de idade ou um “red pro” do Full Tilt com um nome e uma reputação a zelar.