Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Pessoas no Poker

Mesa Redonda com Matt ‘ch0ppy’ Kay

Compartilhe
Jogando poker profissionalmente há 2 anos, o Canadense de 20 anos Mat Kay é uma estrela ascendente no poker. Ele já ganhou mais de $1.3 milhões jogando torneios on-line e atualmente viaja pelo mundo jogando eventos fora dos Estados Unidos até que faça 21 anos em Junho do ano que vem.

KL: Como você começou a jogar poker?

Matt: Jogos caseiros com amigos. Eu achava muito divertido. Estava tendo sorte, não tínhamos conhecimento nenhum sobre o jogo. Eu decidi me tornar o melhor entre meus amigos e comecei jogar on-line de graça, depois mudei para os jogos com dinheiro real e ganhei alguns torneios. Foi assim que comecei.

KL: Quão rápida foi sua ascensão?

Matt: Eu ganhei um torneio de $10 em Dezembro de 2006, e uma semana depois ganhei um de $22 com 180 pessoas, que pagaram $1.300 e $1.000. Aí entrei em cash games e cheguei a $8.000. Era uma enorme quantia de dinheiro na época. Aí comecei perder um pouco, então retirei meu dinheiro, pois fiquei com medo de perder tudo. Comecei jogar novamente logo depois, jogando quase sempre cash games e alguns torneios. Em setembro fui para a universidade onde eu moro, em Ontário, e encontrei meu amigo Mike McDonald, Timex, e aprendi mais sobre torneios com ele. Comecei me concentrar mais em torneios e em Janeiro eu ganhei o Sunday Million . Foi aí que começou.

KL: E como foi isso, ganhar um dos maiores torneios de poker on-line?

Matt:
Foi maravilhoso. Eu realmente não os jogava todas as semanas naquela época. Eu jogava os satélites de $10 com rebuy e ganhei bastante vagas. Eu quase sempre só entrava nestes satélites pelo dinheiro, pois são torneios muito fáceis. Eu joguei o Sunday Warm up, fui bem, não cheguei ITM, mas senti que estava jogando bem e decidi jogar o Sunday Million. Eu tinha jogado umas 8 vezes antes, mas não de forma regular. Eu acho que acertei algumas boas mãos no início, e continuei me colocando em situações de 70-30 e 80-20. Eu estava dando muitos re-steals, a mesma estratégia não teria funcionado hoje, pois são todos muito agressivos hoje em dia. Estive entre os cinco primeiros durante quase todo o torneio. Nos últimos 100 eu encontrei alguns problemas. Depois quando estávamos em 64 eu era o 63º e consegui ganhar algumas mãos e subi novamente, desta vez até a vitória, sem acordo.

KL: Por que você não aceitou fazer um acordo?

Matt:
Não tocamos no assunto. Eu estava indo muito bem na mesa final, e senti que tinha uma vantagem sobre os outros jogadores. Meu bankroll naquela época era entre $10.000 e $20.000, portanto qualquer coisa seria ótimo para mim.

KL: Como você se sentiu na mesa final? Você estava nervoso ou excitado?

Matt:
Nervoso e excitado. Eu tinha 10 pessoas me assistindo, todos torcendo. Ficamos loucos depois que ganhei. Pedimos uma grande pizza em um lugar próximo e tomamos cerveja... Ficamos acordados a noite toda praticamente.

KL: Quando você percebeu que era bom jogando poker, que seria algo mais do que pura diversão?

Matt:
Após o Sunday Million eu joguei mais, tentei jogar todos os Domingos. Ainda estava na universidade nesta época. Esperava minhas férias para decidir, e os resultados foram excelentes. Eu estava na parte alta da variância. Eu tinha uma boa quantia de dinheiro, mas não suficiente para jogar torneios live. Joguei 14 torneios live até agora de $5.000 ou mais. E não fui tão bem.

KL: Como você se sentiu jogando live?

Matt:
Não é tão diferente. Os jogadores são muito piores, e você pode fazer coisas que não faria jogando on-line. O valor das apostas pode ser diferente.

KL: Muitos jogadores de poker on-line não têm boa leitura (reads), eles não acham que ler as pessoas é importante. Você também pensa assim?

Matt:
Sim. Eu conheço o básico. Mais importante é o padrão de apostas. A leitura corporal dos jogadores é secundária.

KL: O que seus pais acham de você jogar poker?

Matt:
Eles mudaram depois do Sunday Million e começaram a apoiar.

KL: Você está ansioso em fazer 21 anos para jogar nos Estados Unidos?

Matt:
Claro, não gosto de viajar para a Europa o tempo todo. Tudo é muito mais caro e você nem pode encher seu copo novamente. Isso realmente me incomoda. Você paga 6 Euros por uma xícara minúscula de café em Monte Carlo, e é só isso.

KL: Quais seus planos futuros no poker?

Matt:
Espero ganhar mais dinheiro jogando poker, talvez abrir meu próprio restaurante ou outro negócio. Eu realmente gosto do restaurante Denny’s e o mais próximo daqui está a quase 100 km, portanto acho que com duas universidades por perto, seria uma boa abrir um aqui. Eu gostaria de fazer isso se eu pudesse, mas primeiro tenho que ganhar mais dinheiro. Vou continuar jogando mesmo estando em uma péssima fase. Espero que mude logo.

KL: Como fazer para mudar a má fase?

Matt
: Eu não sei, só sei que sou um vencedor e espero que isso mude para mim.