Cookies on the PokerWorks Website

We use cookies to ensure that we give you the best experience on our website. If you continue without changing your settings, we'll assume that you are happy to receive all cookies on the PokerWorks website. However, if you would like to, you can change your cookie settings at any time.

Continue using cookies

Notícias | Últimas Notícias

Uma Revisão do Power Hold’em Strategy de Daniel Negreanu

Compartilhe
Daniel Negreanu é, indiscutivelmente, o jogador de poker mais popular. Sua personalidade dinâmica, e a impressionante habilidade de ler as mãos de seus adversários ficaram comprovadas na cobertura da WSOP, durante o World Poker Tour e no High Stakes Poker, onde ele tem sido um dos jogadores regulares. Como resultado, eu antecipo a publicação do Power Hold’em Strategy, por Negreanu, que promete revelar os segredos e suas estratégias.

Avery Cardoza, editor do livro, escreveu o prefácio do livro. Cardoza não brinca em serviço quando ele declarou que esta obra de Negreanu é um dos melhores livros sobre poker já escritos, atrás apenas da publicação em 2 volumes Super System, também sua publicação. Infelizmente, Cardoza está enganado.

O livro copia o formato do Super System, que consiste em uma série de sessões, cada uma escrita por um diferente contribuinte. Além de Negreanu, os outros autores incluem Evelyn Ng com jogo em torneio para novatos, Todd Brunson em high-limit cash games, Erick Lindgren em jogo on-line, Paul Wasicka em jogo on-line short-handed e David Williams em jogando poker agressivo. No Super System, este formato funcionou muito bem, pois cada porção do livro lidava com um jogo completamente diferente. Neste livro, esta técnica não funciona tão eficazmente.

Como exemplo, Todd Brunson é um dos escritores neste livro. Em Super System 2, ele escreveu o capítulo sobre Seven Card Stud Hi/Lo, juntando um método completo de se jogar o jogo que pode ser usado em quase todos os níveis de jogadores. No livro de Negreanu, o capítulo de Brunson sobre high-limit games é bem pequeno. Brunson se desculpa já na introdução de seu capítulo, dizendo sobre a falta de espaço que ele tem, e prometendo que seu próprio livro será publicado em pouco tempo, com muito mais detalhes.

Infelizmente, o livro todo tem a mesma qualidade. Enquanto é fascinante ler muitas das dicas individuais de cada autor, e olhar do outro lado os pensamentos de muitos jogadores bem-sucedidos, o todo do livro não é nem de longe bom como é se dividido em partes. Cada capítulo dá informações suficientes apenas para entrar em grandes problemas nas mesas, sem uma única visão completa de nenhum aspecto do jogo.

O capítulo de introdução do livro de Negreanu é o maior entre os capítulos, e certamente traz muitos detalhes do que os outros, no entanto, não há material suficiente para permitir que o leitor chegue perto do total entendimento de cada estilo. Embora Negreanu apresente como uma abordagem extremamente simples para o jogo, ele ressalta a importância da leitura das mãos para ter sucesso na implantação desta estratégia, mas não dá nenhuma dica de como um jogador pode desenvolver esta qualidade tão essencial.

Negreanu teve uma grande oportunidade de escrever uma grande obra sobre as estratégias que ele e diversos outros jogadores refinaram durante os últimos anos. Seja devido aos inúmeros projetos em que ele está envolvido, ou apenas o desejo de copiar uma fórmula que deu tão certo para o Super System, ele escolheu usar, ao invés de abordar diferentes tópicos, ele concentrou o livro na área em que ele é o maior especialista. No final, um leitor cuidadoso encontrará inúmeras idéias úteis neste livro, mas ele não é um trabalho tão poderoso como poderia, se Negreanu tivesse simplesmente escrito por si mesmo.